O livro como objeto híbrido
No teu deserto de Miguel S. Tavares
Design Editorial I
Ler um livro é descobrir um «novo mundo». Repaginei este romance baseando-me na minha experiência enquanto leitora – recordando-me das pausas, dos silêncios, dos discursos, da intimidade que a leitura exigia, do ritmo dos momentos mais marcantes. O papel e o seu formato espelham o carácter de cada personagem.