Ficha de Leitura + Biblioteca
How can we overcome the institutional forms of art schools?
Design de Comunicação IV
Como podemos ultrapassar os modos institucionais das escolas de arte? Como, através da educação, poderemos encontrar formas alternativas? Como nos podemos libertar das instituições? Como ultrapassar toda esta pressão?

A partir de «Teaching to Learn» de Joseph Kosuth, encontrei algumas respostas. Para complementar esta perspetiva, foram adicionados outros conteúdos: «Towards a Newer Laocoon» de Clement Greenberg, uma crítica à arte moderna e à sua educação; textos de Paul Barlow, «Art and the Academy in the 19th century», e de Sean Buffington, «Art Teaching for a New Age», defendem outras perspetivas para o ensino; «Creativity is only born after skills», a entrevista de Thierry Häusermann com Pierre Fantys, é uma crítica à educação artística na Suíça, hoje; «Ways to survive art schools», de Amy Tofte, é um ensaio mais pessoal que explica como sobreviver às escolas de arte. Como conclusão, adicionei um texto que procura declarar a minha posição enquanto aluno em escolas de arte, hoje.